Tradução: The Knowledge, Reino Unido (15/12/2007)

RETORNO AO PARAÍSO
Ela tem um cd sexy, ela é a Mrs Johnny Depp, mas para Vanessa a privacidade é soberana.

Cada geração tem o seu próprio hit francês. Nos anos 60, a Bretanha foi seduzida por Je t’aime, moi non plus, o mantra de suspiros gálicos picantes. No final dos anos 70 veio com o belga punk de Plastic Bertrand Ça Plane Pour Moi, e então em 1988 Joe le Taxi alcançou o número 3, cantado pela jovem de 14 anos Vanessa Paradis. Para aqueles que estavam na escola na época, a canção foi uma revelação. Nós estudamos a letra nas nossas aulas de francês, e a garota fofa cantando parecia encarnar todas aquelas expressões em francês que estivemos aprendendo com o seu “insouciant” dançando no vídeo, jogando o seu cabelo com um certo “je ne sais quoi”. E ela tinha apenas 14 anos!

“A reação das pessoas é tão bonita, eu sou tão grata”, ela fala da reação do público em seu show. Ouvindo seu álbum, percebemos que sua voz pouco mudou da época de Joe Le Taxi, Paradis co-escreveu boa parte do álbum com o compositor M. “Eu não acreditei quando ele me procurou para trabalhar comigo, foi incrível. Serge é um precioso diamante aqui na França.”, Vanessa se referindo a Serge Gainsbourg.

Perguntas pessoais estão fora de questão, quando perguntada sobre a última coisa que seus filhos fizeram que a fez rir ela responde: “esta questão é muito pessoal”, mas ela acaba dizendo algumas coisas, como do desejo de sua filha Lily-Rose ser cantora quando crescer, e Vanessa espera que ela seja mais velha quando realizar o seu sonho: “Eu espero que ela espere um pouco mais do que eu”, referindo-se ao seu inicio de carreira.

Ela acredita que foi uma criança famosa diferente graças ao amor e apoio de seus pais. “Eu fui muito bem avisada. E sortuda. É uma estrada excepcional de se pegar: cantar ou atuar. Mas obviamente não é a melhor construção para uma adolescente que ainda está crescendo – os valores mudam, então você meio que tem que fazer…” Ela ri porque não consegue encontrar a palavra. “Le tri, trier. Selecionar! Sim. Para fazer sentido entre o certo e o errado.” Ela ri novamente. “Quer dizer, eu pareço bem, mas eu posso ser completamente errada e cega! Mas eu acho que saiu tudo muito bem para mim.”

Ainda, um filme que ela fez, Noce Blanche, pelo qual ela ganhou o César de 1990 de Melhor Atriz Promissora, mostrou-a como uma adolescente tendo um caso com seu professor de filosofia. Muitos anos depois, o diretor, Jean Claude Brisseau, foi condenado a dois anos de prisão por abuso sexual de menores – atrizes, de fato. Tipicamente, Paradis nunca falou sobre o assunto. O assunto está fora dos limites hoje. Ela diz nunca ter sido mimada em sua juventude. “Oh, eu era ingênua! Sim eu era ingênua! Mas isso não me impediu de tomar decisões.” Assunto encerrado.

Para novos filmes, ela fica aborrecida quando eu menciono Hollywood. “Isso é muito como uma armadilha. Hollywood quer dizer apenas filmes americanos? Porque se você diz blockbusters, todos os países têm desses. Eu não sou contra fazer qualquer filme bom, vamos colocar assim. Há pessoas maravilhosas nos Estados Unidos. Quer dizer, eles têm Jarmusch. Eles têm Scorsese.Piratas do Caribe é um blockbuster mas é um ótimo filme.”

É também o filme que deu ao seu companheiro – ela e Depp nunca se casaram – a aprovação do ultimato mainstream, depois de uma vida estrelando em trabalhos mais esquisitos. Ele conheceu Paradis em um lobby de hotel em Paris, quando ela tinha 25 anos e ele 34. “Nossa história é uma união de amor e amizade,” ela contou para a Elle.“Eu tenho a impressão de que ninguém poderia amar da maneira que nós amamos.” Esta pintura dela, o seu instável dente da frente e tudo (sua beleza é refrescante imperfeita em um close up), adorna a capa de Divinidylle, um título que ela diz se referir ao glorioso começo de um relacionamento.

E o segredo de ficar daquele jeito em um longo relacionamento? “Bem, nunca trate as coisas como se elas não tivessem valor. Uma vez que você pensa que aquela pessoa estará lá para sempre, então não há esforços.Tudo está constantemente crescendo e você deve manter os seus olhos abertos. Muito respeito, escutar bastante… Ainda é difícil manter o relacionamento, sabe?” Ela ri. “Mas se você andar nessa direção, então o romance é a cereja do bolo.” O seu bolo me parece muito bem gostoso para mim.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s